É assim a minha sina
Que quando escuto nâo ouço
Sem ti nâo posso viver
Viver contigo nâo posso.

Ironia do destino
Que separados nos tem
Nâo sofras por Amor, filho
Já dizia minha Mâe.

Com a luz do dia sou
Outro homem, outro sêr
Vivo para quem vivo com esperança
De um novo amanhecer.

Dia a dia, hora a hora
Minuto, segundo, momento
Tua tristeza meu Amor
Nâo sai do meu pensamento.

Gostaria de saber
O que vai nessa cabeça
Para poder te dizer
Que nâo há razâo de tristeza.

Ai se pudesse cantar
Tudo o que sinto por ti
Todo o carinho que tenho
Todo o Amor que há em mim.

Meus sentimentos sâo puros
Minha vida eu te dou
Conta-me as tuas mágoas
Meu Amor aqui estou.

Em mim terás o Amigo
O Amante, um defensor
Um companheiro que sempre
Suspira por teu AMOR.



Autor: Ribatejano
Música na Voz do: Ribatejano