Pequei

Pequei ao deixar fluir meu pensamento
Beijei-te com beijo eloqüente
Serrei-te ao meu corpo desejoso

De amor perdido por ti

No patamar as estrelas a olhar
Com meu coração em brasa
Como lava saída dum vulcão

Meu coração pulava
De amor por ti então

Amo-te

És uma cratera de emoções
Onde meu ser se amarrou
Teu ispirito invadiu-me
O meu sonhou

É assim que quero viver

Mas como?

Com tantas barreiras

Sonho

Em realidade não acredito
No amanhã
Hoje sim pequei e vivo
Amanhã talvez não chegará

Hoje mesmo à janela do mundo pequei
Ouvido a musica inebriante de teus poemas
E a riqueza da verdade de teus temas

Desejei ver o teu sorrir
Sonhando contigo

A vir

Fiquei a dormir
Mas no meu dormir sonhava
Que te beijava e abraça

Em ti me fundi

Hoje acordado estou aqui
Perguntando porque pequei

Se só sonhei.

Por: Armando C. Sousa

Enviar a um amigo
clique ao lado!!!