Hoje não estou aqui: fugi
Estou acordado mas muito longe de ti
A tristeza que sentia partiu
Está perdendo a cor.

Foi lindo o sonhar
Mas talvez esteja a acabar
Porque viver neste pesadelo horrendo
Que me traz sofrendo.

Pensar em ti me ia minando
A ausência de teu ser era um acoite
Ar… Já não preciso de vento
Está mais leve o meu tormento.

Chuto a tristeza

Ficando agitado, mas é este meu fado
O sono não chega: quero dormir
Quero sentir meu corpo derramar, no sonhar.

A seiva deliciosa, na deusa que vai sair do mar
Coberta de tule transparente
Escultura perfeita, que alucina minha mente
Depois se me vieres beijar.

Voarei em teus braços, no ar
Ho… Que delicia tem a calma
Que amor que inebria minha alma
Só em pensar que vou contigo sonhar.

Na tua praia nadar
Com aquele que cobre toda a tua nudez.

O mar

Depois fugir contigo da tristeza
Ir para longe escrever, declamar nossa poesia
É só nela que reside nossa alegria.

Por: Armando C. Sousa