Adoro a tua beleza,
a luz da tua simpatia,
o amor gostoso que há nos teus olhos,

um brilho, uma bênção de felicidade
que tua alma não deixa esconder,
que te faz tão linda !

Como é bom amar a vida
do jeito que te vejo amar.
bom seria que estivéssemos sempre juntos,
bem juntinhos para vermos o sol e a lua,
para sentir as estrelas todas
e contá-las no tempo e no infinito,
com infinita ternura.

Bom seria ter sempre e sempre
a sensação de tua presença,
do teu calor,
da tua pele morena,
da tua alegria,
do teu viver !


Autor: Wanderlino Arruda